O Google News recebeu um redesign no seu site de agregação de notícias, o que alinha com o design de seus outros serviços e organiza mais as informações acumuladas ao longo dos anos.

Anand Paka, gerente de produto do Google News, disse que a ideia por trás do redesenho era construir uma interface de usuário descomprometida que tornasse o produto mais acessível aos consumidores de notícias convencionais.

Agora, a nova interface tem um visual mais limpo e organizado, para facilitar a leitura e navegação.

  • As notícias vão aparecer em formato de cards, que facilitam a navegação e também encontrar as diversas notícias relacionadas a uma mesma história.
  • O novo layout foca em elementos-chave, como o nome da publicação e os selos nas matérias (como opinião, sátira ou o selo de verificação de fatos). Na mesma página, o usuário consegue explorar as notícias e os diferentes assuntos.
  • Dedicamos uma coluna de navegação à esquerda das seções que você pode customizar. É possível mudar rapidamente entre as seções padronizadas, como esportes e entretenimento, ou navegar por aquelas criadas por você, como “Copa do Mundo da FIFA” ou “Bollywood”.

Navegação mais fácil

No topo da página, inserimos uma nova barra de navegação, com as abas “Manchetes”, “Local” e “Para você” — quando estiver logado na sua conta do Google, você pode personalizar as duas últimas abas. Em “Local”, é possível encontrar histórias de qualquer parte do mundo que te interessem — de sua cidade ao país que interfere seus negócios. Em “Para você”, você pode destacar seus nichos de interesse e criar seu pequeno feed de notícias, seja com as novidades de seu time, as estreias no cinema ou as últimas do universo geek.

Cards de histórias com perspectivas diferentes

Os cards podem te ajudar a explorar diferentes perspectivas para compreender de forma profunda um determinado assunto. Logo na primeira história você pode encontrar outras matérias relacionadas para se aprofundar — essas notícias contam com os selos que facilitam a navegação (por exemplo, a fonte local, muito citado, opinião ou verificação de fatos). As pessoas nos informaram que as tags ajudam a identificar as diferentes facetas de uma história e ainda oferecem mais contexto. Com isso, sempre que possível, agora mostraremos uma segunda matéria com o selo além da notícia principal de cada história, assim, você pode ter mais contexto, imediatamente, enquanto passa o olho pela página.

Já a página “Cobertura completa”, como o próprio nome diz, permite que você se aprofunde na cobertura de uma história que você deseja saber mais.

No card de cada história, há uma série de notícias com diferentes perspectivas. É possível ordenar por relevância ou por data, assim como ver os principais vídeos, e ainda navegar entre os tópicos na seção “Relacionados”.

Uma seção dedicada à verificação de fatos

Os fatos dão a credibilidade de uma história. No último ano, lançamos o selo de verificação de fatos nos Estados Unidos e, em fevereiro, ampliamos para os países da América Latina. Agora, começando pelos Estados Unidos, adicionamos uma seção de checagem de fatos na coluna direita de “Manchetes”, que mostra os principais fatos verificados que foram publicados recentemente.

Vídeos

Os vídeos tornaram-se úteis para o desenvolvimento de uma narrativa. Por isso, melhoramos o algoritmo de seleção dos principais conteúdos em vídeo, destacamos o melhor vídeo do card de uma história e ainda aperfeiçoamos o player. Agora, enquanto você assiste a um vídeo, conteúdos relacionados a ele estarão disponíveis diretamente nesse player.

Configurações

Por fim, sabemos que você quer estar no controle de suas notícias, por isso, colocamos todas as configurações em um só lugar. E, para tornar o Google Notícias mais personalizado, você pode nomear as seções customizadas, editá-las, decidir o que ver na aba “Para você” e identificar quais fontes de notícias você quer ver mais (ou menos).

Esta atualização começa a ficar disponível nos próximos dias, no mundo todo. Esperamos que o novo design facilite o seu acesso ao jornalismo de qualidade, recheado de pontos de vista realmente significantes e uma cobertura completa.

Comente este post